Teclarmarca.png
lampada-brilhante.png

teclar.com - tecnologias e linguagens audiovisuais representativas para comunidades - é uma iniciativa de extensão do Laboratório de Linguagem e Tecnologia da Faculdade de Letras da UFMG voltada para pessoas em situação de migração humanitária. Por meio da produção de oficinas e materiais informativos, serão trabalhadas tecnologias e linguagens importantes para acessar, analisar, avaliar e criar textos relevantes para as vidas social e profissional dos participantes. Como indicam dados do relatório "Refúgio em Números" do Comitê Nacional para os Refugiados (CONARE), até dezembro de 2018, o Brasil acumulava 11.231 pessoas reconhecidas como refugiadas e 161.057 solicitações de reconhecimento da condição de refugiado em trâmite. Reconhecer a importância das linguagens e das tecnologias para a vida das pessoas que passam ou passaram pela experiência de migração e refúgio no Brasil é também um ato de acolhimento. Como enfatiza Jubilut (2020), as universidades se configuram como um espaço propício para a produção e divulgação de conhecimentos no campo dos estudos sobre migração e refúgio. Ao se debruçar sobre concepções teóricas e empíricas dessa natureza, a universidade contribui ainda para a conexão de parceiros - em níveis local, nacional e internacional - fazendo com que a agenda sobre contextos e situações de migração tenha um alcance maior e mais abrangente. Portanto, este projeto de extensão vai ao encontro dessa implicação, na medida em que busca conectar universidade e sociedade, bem como amplificar a rede de estudiosos em migração e refúgio no Brasil, o que tem potencial para informar e sensibilizar políticas linguísticas, educacionais e humanitárias. Por fim, este projeto se alinha à Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas, no que se refere aos seus Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ONU, 2015). Este plano de ação de natureza colaborativa configura-se como uma agenda universal cuja tônica é o equilíbrio entre os desenvolvimentos econômico, social e ambiental. Pela preocupação com as experiências de migração e refúgio narradas pelos sujeitos envolvidos nesse contexto, este projeto vai ao encontro da agenda em relação às pessoas e seus potenciais de dignidade e igualdade; ao planeta e toda as relações ecológicas dos agentes; à prosperidade que também é alcançada por meio do desenvolvimento social; à paz que é inerente à realização do desenvolvimento sustentável; e à parceria propiciada entre a colaboração entre pesquisadores e participantes de diferentes contextos.

 

Objetivo geral: Promover oportunidades de prática e desenvolvimento linguístico em contextos e suportes digitais para pessoas em situação de migração humanitária.

 

Objetivos específicos:

teclar.com